Haney: “Todo mundo que me chamou de ‘campeão do correio’, foda-se!”

haney-alla-som-kallade-mig-postmastare-fan-jpg

Ontem em Melbourne (Austrália), o americano leve Devin Haney (28-0, 15 KOs) levou todos os títulos do lutador local George Kambosos Jr. (20-1, 10 KOs) e se tornou o campeão indiscutível da categoria.


É uma pena que não (c) Lomachenko — reportagem sobre a luta Kambosos vs Haney


O perdedor imediatamente anunciou sua intenção de aproveitar a cláusula de vingança prevista no contrato.
Vencedor com certezaque o resultado da segunda luta será exatamente o mesmo: “Algo para mudar por vingança? Não, sem chance. Acho que o máximo que ele vai fazer ainda mais esforço, vai correr mais riscos. Mas para ganhar… Definitivamente não! Acho que agora eles vão se esforçar ainda mais nos desenvolvimentos táticos. Mas não importa o que ele me ofereça na segunda luta, estarei pronto para isso. Ele fala muito. Mas no ringue, ele nunca deu um único golpe preciso com sotaque para mim.

Haney também se voltou para todos os haters que costumavam chamá-lo de “campeão do correio” – o americano conquistou o título do WBC sem lutar: “Não consigo colocar em palavras tudo o que sinto agora. Mas quero apelar a todos aqueles que duvidaram de mim. Para todos aqueles que disseram que eu não poderia. A todos aqueles que me chamaram de “campeão do correio”. Cara, eu sou o javali da divisão agora. Eu sou o campeão mundial absoluto. Não há mais dúvida, nem pode haver. O que mais posso dizer a todos os meus inimigos? Vá para o inferno! Eu sou um javali neste peso!”

O promotor Bob Arum já afirmou que quer fazer uma luta pelo título entre Haney x Lomachenko, mas há um problema. Curiosamente, após a derrota de Devin, Kambosos “ameaçou o repórter” durante uma coletiva de imprensa.

Para não perder as novidades mais interessantes do mundo do boxe e do MMA, inscreva-se em
Facebook e
notícias do Google.

Rating